Páginas

sábado, 30 de novembro de 2013

Garotas...


Eu era sozinho…

Até que conheci uma garota …
Ela era assim…
Juntos eramos assim…
Lhe dava presentes assim…
Quando me aceitou fiquei assim…
Falava com ela todas as noites assim …
Então no escritório fazia isto…
Quando meus amigos conheceram minha garota, fizeram assim…
Minha reação era assim…

Mas no dia dos Namorados ela recebeu uma rosa vermelha
de alguém que não era eu ….

E ela ficou assim…



E eu fiquei assim…

O qual me conduziu a isto…

e isto…

E me deu vontade de…

E comecei a fazer isto…
GAROTAS, GAROTAS… !

é a vida né!… 
e depois ainda nos perguntam por que bebemos … !!!
- See more at: http://recebiporemail.com.br/2011/09/garotas-e-tudo-culpa-delas.html#sthash.f2ZMfWbI.dpuf

Atenção!Novo golpe:

mulher-lavando-carro
ATENÇÃO!
Fiquem ligados.. nova forma de assalto que está
ocorrendo agora na região de Juiz de Fora/MG.
Não sei quantos de vocês fazem compras no supermercado
Carrefour, mas esta informação pode ser de muita utilidade.
Mando esta informação para avisá-los que fui vítima de
um assalto no Carrefour, mas poderia ter sido em qualquer outro supermercado.
Funciona da seguinte maneira: Duas garotas muito atraentes chegam
perto enquanto você está guardando as compras no
porta-malas e começam
a limpar o pára-brisa com esponja e um produto limpador,
dizendo que é
um novo produto que pode ser usado sem água e que elas são
demonstradoras.
Seus seios praticamente saem para fora de suas camisas, assim fica
impossível não olhar e se distrair. Eu ofereci uma
gorjeta, mas não
aceitaram e me perguntaram se eu ia passar próximo ao Centro, pois
elas iriam para lá.
Eu falei que sim, que não tinha problema e entraram as
duas no banco
de trás e no caminho começaram a se beijar e logo em
seguida começaram
a fazer sexo.
Logo em seguida uma passa para o banco da frente e começa a me
praticar sexo oral, enquanto a outra me rouba o dinheiro
que estava no
meu bolso de trás da calça.
Estejam alertas, pois poderá acontecer com vocês também!
Me roubaram uma vez na segunda-feira, duas vezes na
terça-feira, uma
vez na quarta-feira, duas vezes na quinta-feira, uma ontem e duas
vezes hoje…

Belo Texto:

Uma mulher branca, de aproximadamente 50 anos, chegou ao seu lugar na classe econômica e viu que estava ao lado de um passageiro negro.
Visivelmente perturbada, chamou a comissária de bordo.
Qual o problema, senhora?, pergunta a comissária..
Não está vendo? – respondeu a senhora – vocês me colocaram ao lado de um negro. Não posso ficar aqui. Você precisa me dar outra cadeira
Por favor, acalme-se – disse a aeromoça – infelizmente, todos os lugares estão ocupados. Porém, vou ver se ainda temos algum disponível.
A comissária se afasta e volta alguns minutos depois.
Senhora, como eu disse, não há nenhum outro lugar livre na classe econômica. Falei com o comandante e ele confirmou que não temos mais nenhum lugar na classe econômica. Temos apenas um lugar na primeira classe. E antes que a mulher fizesse algum comentário, a comissária continua:
Veja, é incomum que a nossa companhia permita à um passageiro da classe econômica se assentar na primeira classe. Porém, tendo em vista as circunstâncias, o comandante pensa que seria escandaloso obrigar um passageiro a viajar ao lado de uma pessoa desagradável.
E, dirigindo-se ao senhor negro, a comissária prosseguiu:
Portanto senhor, caso queira, por favor, pegue a sua bagagem de mão, pois reservamos para o senhor um lugar na primeira classe…
E todos os passageiros próximos, que, estupefatos assistiam à cena, começaram a aplaudir, alguns de pé.
“O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons…”